Bolsa de Xangai opera em queda de 0,6%

Estadão

21 de setembro de 2011 | 23h17

Xangai, 21 – O mercado de ações da China abriu em queda, em reação à baixa da Bolsa de Nova York. Investidores também estão reagindo ao comunicado do Federal Reserve norte-americano, que vê “riscos negativos para a perspectiva da economia”.

Para o analista Tang Yonggang, da Hongyuan Securities, “a queda em Wall Street deve ter um efeito apenas temporário no mercado chinês. A debilidade do mercado local hoje provavelmente resulta de realização de lucros, depois da alta forte de ontem. O mercado está entrando em modo de consolidação”.

Há pouco, as ações da China Shenhua Energy caíam 1,2%, as da Shanxi Xishan Coal & Electricity recuavam 1,0% e as do Zijin Mining Group perdiam 0,4%. O índice Shanghai Composite caía 0,6%, para 2.499 pontos.

As informações são da Dow Jones. (Renato Martins)

Leia tudo sobre os mercados financeiros e a crise econômica nos Estados Unidos e Europa.

Tudo o que sabemos sobre:

mercados; bolsas; Ásia

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.