Ações da Oi disparam 15% com nomeação de novo presidente

Gustavo Santos Ferreira

04 de junho de 2013 | 14h28

A nomeação de Zeinal Bava como novo diretor-presidente da Oi faz as ações do grupo brasileiro de telecomunicações dispararem nesta terça-feira, 4. A valorização dos papéis preferenciais da empresa passa dos 15% neste início de tarde.

Apesar dos bons resultados desta terça, as ações da Oi já caíram cerca de 37% em 2013. Antes de começar o pregão, a baixa era de 46%.

Bava comandava a Portugal Telecom. Sua escolha ocorre num momento de incertezas. Investidores desconfiam da capacidade do grupo de honrar resultados prometidos e temem por seu endividamento.

Quem deixa o posto para a chegada de Bava é José Mauro Carneiro da Cunha. Ele ocupava interinamente a presidência-executiva da Oi desde janeiro. Estava, por sua vez, no lugar de Francisco Valim.

Carneiro da Cunha retorna agora ao cargo de chairman da Oi.

(Com Reuters.)

 

Tudo o que sabemos sobre:

BovespaOiZeinal Bava

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.