Bolsa de Sydney tem forte alta

Estadão

26 de setembro de 2011 | 22h04

Sydney, 26 – A Bolsa de Sydney abriu em alta forte, acompanhando os ganhos do mercado em Nova York, em meio a expectativa de medidas para conter a crise da dívida europeia. As ações dos quatro maiores bancos australianos estão entre as maiores altas (há pouco, Westpac +2,6%, ANZ +3,0%, NAB +3,0% e Commonwealth Bank +2,8%); as das mineradoras também estão em alta (BHP Billiton +3,0%, Rio Tinto +3,4%, Fortescue +5,2%).

O analista Ric Spooner, da CMC Markets, advertiu que qualquer movimento de alta será limitado até que os investidores obtenham um grau razoável de certeza quanto aos esforços para a solução da crise da dívida europeia. “Os meses recentes demonstraram claramente que essa certeza requer não apenas anúncios formais, mas também aprovação política e parlamentar, onde necessário”, disse Spooner. Minutos atrás, o índice S&P/ASX-200 subia 2,4%, para 3.956 pontos.

As informações são da Dow Jones. (Renato Martins)

Leia tudo sobre os mercados financeiros e a crise econômica nos Estados Unidos e Europa

Tudo o que sabemos sobre:

bolsas; mercados; Ásia; Austrália

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.