Bolsa de Tóquio segue humor de Nova York e cai 1,42%

Estadão

21 de setembro de 2011 | 21h47

Tóquio, 21 – A Bolsa de Tóquio opera em queda, com volume reduzido de negócios, acompanhando a baixa das ações em Nova York. Os investidores mostraram sua decepção com o anúncio de que o Federal Reserve cai comprar mais US$ 400 bilhões em títulos de longo prazo do Tesouro dos EUA até junho de 2012.

“Os mercados, especialmente os dos EUA, já haviam precificado a decisão do Fed; por isso, a reação negativa já era prevista. Tendo terminado a reunião do Fed, a situação da Europa volta a dominar a atenção dos mercados”, comentou o estrategista Hideyuki Ishiguro, da Okasan Securities. Para ele, o índice Nikkei deverá operar entre 8.550 e 8.700 pontos nesta quinta-feira.

Há pouco, as ações da Honda caíam 3,8% e as da Sony recuavam 1,7%; as da KDDI subiam 4,1%, depois de o jornal Nikkei dizer que a empresa vai começar a comercializar o iPhone, da Apple, a partir de novembro. Às 21h39 (de Brasília), o índice Nikkei caía 124 pontos (1,42%), para 8.617 pontos.

As informações são da Dow Jones. (Renato Martins)

Leia tudo sobre os mercados financeiros e a crise econômica nos Estados Unidos e Europa.

Tudo o que sabemos sobre:

mercados; bolsas; Ásia

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.