Bolsas da Ásia fecham em baixa

Yolanda Fordelone

30 de novembro de 2011 | 08h57

A maioria das bolsas asiáticas encerrou no campo negativo nesta quarta-feira – não houve negociações nas Filipinas por ser feriado. Houve realização de lucros em alguns mercados, mas outros reagiram negativamente a fatores locais.

Este foi o caso na Bolsa de Hong Kong, que foi no embalo do enfraquecimento dos mercados da China, às vésperas do anúncio oficial da produção industrial chinesa de novembro – há expectativa de queda na atividade industrial do país asiático. O índice Hang Seng caiu 266,85 pontos, ou 1,5%, e fechou aos 17.989,35 pontos. A maioria das blue chips fechou em baixa, liderada pela seguradora Ping Na, que tombou 5,3%. China Life baixou 3,5%. HSBC recuou 2%.

Na China, as Bolsas fecharam em forte baixa. As ações tipo B em moeda estrangeira lideraram o declínio, devido às preocupações de que a demanda pelos papéis B seria atingida pelo iminente lançamento de um conselho para empresas internacionais em Xangai. O índice Xangai Composto despencou 3,3% e terminou aos 2.333,41 pontos. O índice Shenzhen Composto cedeu 4% e encerrou aos 994,02 pontos.

As informações são da Dow Jones.

(Ricardo Criez e Roberto Carlos dos Santos, da Agência Estado)

Tudo o que sabemos sobre:

Ásiabolsa

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.