Bolsas na Europa operam sem direção única antes de leilão da Itália

Yolanda Fordelone

28 de dezembro de 2011 | 07h50

As bolsas europeias operam sem direção única, em meio a um fraco volume de negócios antes do feriado de Ano Novo e de um leilão de títulos da Itália, previsto para às 8h (de Brasília).

A expectativa é de que a Itália venda entre € 1,5 bilhão e € 2,5 bilhões em títulos de dois anos e € 9 bilhões em bônus de seis meses. A Itália é o terceiro maior mercado de bônus do mundo.

“Os investidores (estão) preocupados que o baixo volume de negociação tornará ainda mais difícil do que o habitual para a Itália levantar o dinheiro”, disse o Close Brothers Seydler Bank. A Itália é vista por muitos investidores como um barômetro para a crise da dívida da zona do euro e enfrentará um início de ano crucial em 2012, com leilões de mais de € 100 bilhões previstos no primeiro trimestre.

Às 7h30 (de Brasília), a Bolsa de Londres tinha alta de 0,31%, Paris subia 0,39% e Frankfurt caía 0,42%. Entre os países periféricos, Madri cedia 0,08%, Lisboa ganhava 0,35% e Milão avançava 0,61%. As informações são da Dow Jones.

(Clarissa Mangueira, da Agência Estado)

Tudo o que sabemos sobre:

açõesbolsa

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.