Bovespa acentua queda e recua quase 3%; dólar sobe

Bianca Pinto Lima

30 de setembro de 2011 | 15h59

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) acentuou ainda mais a queda na tarde desta sexta-feira. O Ibovespa recua 2,79%, aos 51897 pontos, na mínima do dia. Já o dólar opera em alta de 1,84%, cotado a R$ 1,8860.

Em Nova York, os principais índices acionários também recuam, mas exibem perdas menores do que as registradas no mercado doméstico. Dow Jones cai 1,41%, S&P 500 tem desvalorização de 1,56% e Nasdaq, termômetro da tecnologia, cede 1,68%.

Mais cedo, o principal índice das ações europeias fechou em queda, terminando o trimestre com a pior performance desde final de 2008, devido ao aumento das preocupações de que o crescimento global esteja paralisando. Dados manufatureiros fracos vindos da China foram a mais recente evidência a sugerir uma desaceleração.

As principais praças financeiras da região também encerraram no terreno negativo nesta sexta. Londres fechou em baixa de 1,32%, Frankfurt caiu 2,44% e Paris perdeu 1,51%. Já Milão teve desvalorização de 1,39% e Madri retrocedeu 0,53%. Lisboa, por sua vez, encerrou em queda de 1,25%.

(Com Reuters)

Tudo o que sabemos sobre:

Bovespa; bolsas; mercados; ações

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.