Bovespa cai 2% após S&P rebaixar perspectiva de rating

Estadão

07 de junho de 2013 | 15h09

Agência Estado

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) amplia as perdas na tarde desta sexta-feira, 7. O recuo é uma reação dos investidores ao rebaixamento da perspectiva da nota de risco de crédito do Brasil pela Standard & Poor’s, anunciada na véspera. Às 15h02 (horário de Brasília), o Ibovespa recuava 2%, aos 52.828 pontos, na mínima do dia.

Primeira a promover o País a grau de investimento, em abril de 2008, a S&P também foi a primeira a reduzir a perspectiva positiva das condições macroeconômicas brasileiras, que saiu de “estável” para “negativa”, por conta do baixo crescimento e dos gastos do governo. É a primeira vez que isso acontece desde 2002.

Nem mesmo a reação positiva dos mercados internacionais aos números mistos sobre o mercado de trabalho nos Estados Unidos – que mostrou criação de mais vagas que o esperado em maio, mas com respectiva alta da taxa de desemprego – foi capaz de impedir que os negócios locais renovem nesta sexta-feira, os níveis mais baixos do ano.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.