Bovespa tem alta com dados positivos na Europa

Yolanda Fordelone

15 de dezembro de 2011 | 11h03

Dados positivos na Europa animam os mercados na manhã desta quinta-feira, 15, mas para o economista da Geral Investimentos, Denilson Alencastro, o cenário para o dia ainda é incerto. “O pregão deve ter ainda muita volatilidade”, diz.

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) abriu em alta de 0,02%, a 56.788 pontos. “Alguns números do PMI (índice de atividade) na Europa saíram melhores do que o esperado”, comenta Alencastro.

O índice de atividade composto dos Gerentes de Compras (PMI, em inglês) da zona do euro subiu para 47,9 em dezembro, de 47,0 em novembro, ainda abaixo da marca de 50,0 que distingue uma contração, mas em seu mais alto patamar em três meses.

No momento, a Bolsa de Londres sobe 0,91%, Paris, 1,19%, Frankfurt, 1,39%, e Madri, 0,92%. O dólar cai 0,69%, a R$ 1,861.

Nem o comentário do Banco Central Europeu (BCE) há pouco desanimou os investidores. Em seu relatório mensal, o BCE disse prever um crescimento econômico menor em razão da crise de dívida dos países.

Nos EUA, saem diversos dados ao longo do dia que devem ser observados: produção industrial, nível de capacidade instalada, PPI (inflação ao produtor) e pedidos semanais de auxílio-desemprego.

O economista diz que a projeção é de crescimento de 0,3% na produção americana e nível de capacidade instalada de 77,9%. O número de pedidos deve ficar abaixo de 400 mil. “Nos últimos meses, ficou acima disso. Um número abaixo de 400 mil indica um crescimento da economia, melhor do que a Europa, mas ainda fraco”, diz Alencastro.

industria_divulgacao.jpg

Tudo o que sabemos sobre:

açõesBovespa

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.