Dow Jones fecha em alta com Boeing e Caterpillar; Apple pesa sobre o Nasdaq

Estadão

25 de julho de 2012 | 18h14

Álvaro Campos, da Agência Estado

NOVA YORK – Balanços positivos de blue chips como a Boeing e a Caterpillar ajudaram o índice Dow Jones, da Bolsa de Nova York, a fechar em alta hoje, interrompendo uma série de três sessões consecutivas de forte baixa. Já o S&P 500 e o Nasdaq encerram o pregão no território negativo, sendo que o segundo foi pressionado mais fortemente pelas ações da Apple, que divulgou resultados decepcionantes ontem, quando os mercados já estavam fechados.

O Dow Jones subiu 58,73 pontos (0,47%), fechando em 12.676,05 pontos. O Nasdaq recuou 8,75 pontos (0,31%), fechando em 2.854,24 pontos. E o S&P 500 perdeu 0,42 ponto (0,03%), fechando em 1.337,89 pontos.

Na noite de ontem, a Apple reportou lucro e receita do segundo trimestre que vieram abaixo das previsões dos analistas, com um aumento menor do que o esperado nas vendas do iPhone. Foi apenas a segunda vez nos últimos 39 trimestres que os resultados da companhia, que é a maior do mundo em valor de mercado, ficaram abaixo do previsto. Assim, as ações encerraram a sessão de hoje com queda de 4,32%.

Enquanto isso, os papéis da Boeing tiveram valorização de 2,78%, após a fabricante de aviões elevar suas projeções financeiras para este ano, com o aumento nas vendas internacionais de aeronaves militares e comerciais. Hoje, a companhia divulgou que teve lucro de US$ 967 milhões (US$ 1,27 por ação) no segundo trimestre, uma alta de 2,73% na comparação com igual período do ano passado.

Quem também ajudou o Dow Jones foi a Caterpillar. As ações da companhia subiram 1,44%, depois de divulgar um aumento de 67% no lucro do segundo trimestre, para US$ 1,7 bilhão (US$ 2,54 por ação). “O setor industrial está apresentando bons números, tendo em conta a piora nos indicadores econômicos”, comenta Mike Gibbs, codiretor de consultoria de ações da gestora de ativos Raymond James Financial.

E os dados divulgados hoje sobre a economia norte-americana continuaram a decepcionar. As vendas de moradias novas recuaram 8,4% em junho, quando a previsão era de alta de 1,6%. Enquanto isso, os mercados europeus oscilaram entre perdas e ganhos, com as esperanças de que o fundo de resgate permanente da zona do euro tenha acesso a crédito ilimitado do Banco Central Europeu (BCE).

Entre outras companhias norte-americanas que divulgaram balanços hoje, as ações da farmacêutica Eli Lilly subiram 2,72% e a Netflix despencou 25,02%. As informações são da Dow Jones.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.