Itália faz leilão bem sucedido e juro cai

Yolanda Fordelone

28 de dezembro de 2011 | 08h59

Os preços dos bônus da Itália mantiveram os ganhos após um leilão de T-bills registrar boa demanda.

O Tesouro italiano vendeu papéis de seis meses e dois anos no mercado primário a um custo significativamente mais baixo do que no leilão feito há um mês, disse o Banco da Itália.

O Tesouro vendeu 9 bilhões de euros em t-bills de seis meses, montante pretendido, à taxa média de 3,251%, de 6,504% da semana passada. O Tesouro vendeu também 1,733 bilhão de euros em títulos de dois anos, à taxa média de 4,853%, de 7,814% na semana passada.

Após o leilão, as taxas dos bônus italianos caíram no mercado secundário, com a taxa dos títulos de dois anos passando a render 4,790%, de cerca de 4,805% antes do leilão, e a taxa dos títulos de dez anos recuando para cerca de 6,733%, de 6,741% antes do resultado.

As informações são da Dow Jones.

(Clarissa Mangueira e Cynthia Decloedt, da Agência Estado)

Tudo o que sabemos sobre:

itália

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.