Petróleo opera em queda com alta do dólar e preocupação com zona do euro

Estadão

31 de outubro de 2011 | 10h45

Os contratos futuros de petróleo operam em queda, pressionados pela valorização do dólar após a intervenção do Japão no mercado de câmbio para conter a alta do iene. A crise de dívida soberana da zona do euro também continua no foco dos investidores.

Às 10h27 (de Brasília) o petróleo WTI para dezembro caía 0,76% na Nymex, para US$ 92,61 por barril, enquanto o brent para dezembro recuava 0,54% na ICE, para US$ 109,32 por barril. Como é uma commodity denominada em dólar, o petróleo torna-se mais caro quando a moeda norte-americana se valoriza.

A diferença entre os preços das duas principais referências para o petróleo diminuiu para quase US$ 16 por barril no começo da manhã, acumulando redução de mais de 40% desde o recorde intraday de US$ 28,07 por barril atingido em 14 de outubro.

O petróleo WTI tem sido sustentado por indicadores macroeconômicos melhores nos EUA e pelo balanço mais apertado entre oferta e demanda, enquanto o brent vem sofrendo com a prolongada crise de dívida europeia e com um aumento na produção de petróleo no Mar do Norte. As informações são da Dow Jones.

(Danielle Chaves, da Agência Estado)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: