As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Receita recebe 27,8 milhões de declarações do Imposto de Renda

Na última hora antes de o prazo se esgotar, cerca de 100 mil contribuintes enviaram a declaração; quem não prestou contas ao Fisco deverá pagar multa de no mínimo R$ 165,74

Agência Estado

01 Maio 2015 | 07h36

leao__stock

A Receita Federal informou que recebeu até as 23h59m59s desta quinta-feira, 30, – prazo final para envio do Imposto de Renda da Pessoa Física -, 27.895.994 declarações. O número foi maior do que o registrado no ano passado, quando foram entregues 26.883.633  declarações.

Muitos deixaram para a última hora. Na reta final, mais de 700 mil contribuintes ainda não haviam declarado o imposto. Na última hora antes do fim do prazo, entre às 23 horas e a meia-noite, 100 mil pessoas acertaram as contas com o Fisco.

Veja também:

Confira as datas das restituições 

Antecipar a restituição está mais caro

Quem perdeu o prazo só poderá enviar o documento a partir das 8 horas da próxima segunda-feira, 4. A multa é de 1% ao mês sobre o imposto devido. O valor mínimo é de R$ 165,74 e o máximo, de 20% do tributo.

Prazo prorrogado. O Ministério da Fazenda prorrogou até 31 de julho o prazo para apresentação da declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física para contribuintes residentes no município catarinense de Xanxerê. A cidade, a 551 km de Florianópolis, foi atingida por um tornado no último dia 20, que deixou mais de 4 mil pessoas desalojadas.

A decisão foi publicada na quinta-feira, no Diário Oficial da União, em portaria assinada pelo ministro Joaquim Levy. O prazo para a declaração do IR em todas as demais localidades do País terminou ontem, às 23h59.

Mais conteúdo sobre:

Imposto de RendaReceita Federal