Brasília é o melhor lugar para se trabalhar no País, aponta pesquisa
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Brasília é o melhor lugar para se trabalhar no País, aponta pesquisa

Renato Jakitas

05 de março de 2015 | 06h00

Brasília ficou em 107º lugar em ranking que avaliou 230 destinos pelo mundo

Brasília ficou em 107º lugar em ranking que avaliou 230 destinos pelo mundo

Entretanto, Distrito Federal é apenas o 107ª colocado em ranking que analisa 230 destinos pelo mundo; Rio e São Paulo ocupam a 119ª e a 120ª posição, respectivamente 

As cidades brasileiras passam longe de se configurar como destinos atraentes para quem busca consolidar uma carreira profissional. Dentre as opções locais, Brasília é a melhor opção, aparecendo na 107ª posição de um ranking que analisa 230 cidades e distritos pelo mundo.

O estudo, realizado pela consultoria de RH Mercer, leva em conta critérios como clima, educação, ambiente econômico, ecossistema sociocultural e outros. Nele, São Paulo e Rio de Janeiro ficaram ainda piores colocados, na 120ª e 119ª posições, respectivamente.

O desempenho é bem inferior, inclusive, na comparação com outras grandes cidades sul-americanas, como Montevidéu (78ª colocada), Buenos Aires (91ª posição) e Santiago (número 93 do ranking). La Paz e Caracas foram as piores cidades no continente, ocupando, respectivamente, as posições 156 e 179 da lista.

O caso brasileiro positivo, ou pelo o menos pior, fica com Manaus, que aparece na 127ª colocação. A pesquisa identificou Manaus como uma cidade emergente. “A cidade já é um próspero centro industrial e tem uma zona de comércio livre – sua boa oferta de bens de consumo e infraestrutura relativamente avançada neutralizam parcialmente o impacto da falta de opções de escolas internacionais para expatriados e sua localização remota”, observa o levantamento.

Paraísos para o trabalhador. Na outra ponta deste ranking, a consultoria destaca sete países como os responsáveis por acolherem as cidades com melhor qualidade de vida para o trabalhador de todo o mundo: Áustria, Suíça, Nova Zelândia, Alemanha, Canadá, Dinamarca e Austrália.

Viena lidera o ranking, seguida por Zurique, Auckland e Munique, respectivamente segunda, terceira e quarta colocada.

Na América do Norte, Canadá e Estados Unidos continuam a oferecer um alto padrão de vida. Vancouver, quinta colocada, lidera a lista para a região, seguida pelas cidades também canadenses de Toronto (15ª posição) e Ottawa (16º lugar). Nos Estados Unidos, São Francisco é a 27ª colocada, Boston aparece em 34º lugar e Honolulu, no Havaí, ficou com a 36ª posição.

“No Brasil, neste ano, a cidade de São Paulo permaneceu na mesma posição ocupada na última pesquisa, mesmo com melhora na avaliação do quesito educação. Por outro lado, estamos acompanhando o tema sobre racionamento de água em São Paulo para considerá-lo nas análises de 2015”, diz Karla Costa, consultora de Remuneração e de mobilidade global da Mercer Brasil.

Tudo o que sabemos sobre:

expatriadospesquisa

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.