O perigo do susto

Minha coluna no Estadão na sexta-feira, 24/11/17: O pior que pode acontecer para o Brasil, em relação ao processo de recuperação da economia americana, é os mercados e o Fed, BC dos EUA, serem surpreendidos por uma inflação subindo mais rápido do que se pensava, o que poderia ter forte efeito nos juros americanos e internacionais.