Brasil é destaque na programação do último dia do festival Lions Live

finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Brasil é destaque na programação do último dia do festival Lions Live

Fernando Scheller

26 de junho de 2020 | 05h30

O Brasil vai ser destaque no último dia de programação do Lions Live, verão online e gratuita do Cannes Lions – Festival Internacional de Criatividade. Nas palestras que se estendem pela manhã desta sexta-feira, 26, haverá a participação da Accenture Interactive Brasil e de um dos principais executivos globais da AB InBev, o brasileiro Pedro Earp. Além disso, haverá o primeiro Lion de St. Mark – prêmio pelo conjunto da obra – dedicado a uma mulher.

Eco Moliterno, da Accenture Interactive (Foto: Nilton Fukuda/Estadão)

Veja as principais dicas do Estadão, representante oficial de Cannes Lions, com adaptação ao horário de Brasília.

8h30 – No ritmo do coração

Eco Moliterno, chefe de criação da Accenture Interactive Brasil, vai falar sobre a experiência da empresa em usar as batidas do coração das pessoas para criar experiências de marca.

9h20 – Força feminina na criatividade

O Lion de St. Mark homenageia todos os anos grandes nomes da indústria criativa. Esse prêmio pelo “conjunto da obra”, pela primeira vez, é dado a uma mulher. No caso, Mary Wells Lawrence, que em 1968 se tornou a primeira presidente de uma empresa listada na Bolsa de NY – no caso, a agência da qual era sócia.

9h30 – Agência da década é revelada

Revelação da “Palma de Ouro” para os melhores da década, que será entregue à agência e ao grupo de comunicação mais premiados entre 2010 e 2019.

10h05 – Negócios globais x covid-19

E tem mais Brasil em Cannes: no caso, o chefe global de marketing da gigante das bebidas AB InBev, Pedro Earp. Ele vai falar sobre os desafios da crise atual para o marketing de negócios globais, em sessão patrocinada pela revista The Economist.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.