Olho vivo com os operadores

José Paulo Kupfer

16 de janeiro de 2008 | 19h52

Os operadores operaram pesado para derrubar os mercados hoje. Mas ao longo do dia, a verdade, mais uma vez, foi aparecendo. A crise anunciada e reanunciada ainda não se confirmou. Será que vai?

Se a bolsa de Hong Kong despencou mais de 5% e a de Tóquio, mais de 3%, na Europa, as quedas já foram mais moderadas. Quando os mercados fecharam nos Estados Unidos, o pânico não era mais do que uma cócega. E o Dow Jones encerrou o pregão quase estável, com um recuo de míseros 0,28%.

A queda-de-braço vai continuar. Novas ondas estão por vir. Tem muita gente graúda, vendida a descoberta, fazendo força para baixar o preços dos ativos. Apostam na crise para ganhar em cima dos incautos.

Olho vivo e muito cuidado com quem parece que está arrancando os cabelos.