Retrospectiva

Marili Ribeiro

15 de dezembro de 2009 | 11h38

O portal do Estadão abriu um fórum para que os visitantes escolhessem quais assuntos mereceriam participar de uma retrospectiva da década. Foram cinco dias de votação e mais de 3.800 pessoas deram seus palpites. Para minha surpresa, entre as 30 categorias elencadas o tema campanhas publicitárias apareceu em sétimo lugar. De certa forma, essa escolha reforça o velho discurso dos marqueteiros que dizem que brasileiro gosta de propaganda. Bom comercial vira ícone pop.

Mas, como sempre há um “mas”, aberta a categoria para que se selecionassem as campanhas e os anúncios, a participação foi desanimadora. Menos de 30 usuários souberam indicar uma campanha veiculada na última década. Aliás, a maioria citava sempre casos já clássicos e, alguns deles, com mais de 20 anos de registro. Caso, por exemplo, do famoso bordão “não é assim uma Brastemp”.

Fica aqui um registro sobre a tentativa de retrospectiva, em especial em relação aos comerciais de televisão que são sempre os mais mencionados: eles têm baixa permanência na memória do consumidor. Mais que isso, o bordão é mesmo o que fica. Quem colaborou para a montagem da lista, que agora está em votação aberta no site do jornal _em especial entre os coleguinhas aqui da redação_, lembrava mais do slogan, do que sobre o que tratava o comercial que tentavam mencionar. Curioso. Muito curioso.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.