Ações do Pão de Açúcar subiram 12,64%

Tânia Rabello

29 de junho de 2011 | 04h56

A oferta do Pão de Açúcar ao Carrefour fez com que as ações da rede varejista brasileira subissem 12,64%, para R$ 73,25, na sessão de ontem da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). A alta foi muito acima do desempenho do Ibovespa (índice que serve como termômetro da Bolsa), que subiu 1,77%.

Para os acionistas minoritários que têm os papéis preferenciais (PN) do Pão de Açúcar na carteira é hora de refletir sobre o que fazer com os investimentos. Com a alta registrada ontem, alguns vão optar por vender as suas ações para “realizar lucro” – jargão do mercado que significa vender o papel por um preço maior do que o comprado.

“Por enquanto, pouco se sabe sobre o negócio das duas empresas”, avalia Mauro Calil, educador financeiro. “A princípio, parece um bom negócio ao acionista manter esses papéis na carteira. Há chance de ainda mais valorização”, completa Fábio Gallo, professor de finanças da Fundação Getúlio Vargas de São Paulo (FGV-SP).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.