As altas taxas de administração

Tânia Rabello

22 de março de 2010 | 12h57

Quem aplica em fundos de investimentos, em geral, reclama das altas taxas de administração cobradas pelos bancos. Isso porque a taxa é descontada do total do rendimento oferecido. E ninguém gosta de perder dinheiro, não é mesmo?

Porém, os custos astronômicos estão com os dias contados. A CVM está debruçada na elaboração de regras para esse segmento. Apesar de não pode regular qual será a taxa, o órgão quer que os bancos melhorem a maneira como informam aos clientes qual é a efetiva taxa e o rendimento que determinado fundo irá propiciar.

Colocando as coisas às claras, de forma resumida e objetiva, essas regras irão impulsionar naturalmente a concorrência entre os bancos, o que deve ocasionar em taxas de administração mais baixas. Pelo menos essa é a expectativa da CVM. Você acredita que isso ocorrerá?

Clique aqui e leia uma entrevista exclusiva com a Luciana Dias, superintendente da CVM que está elaborando essas regras.

Tudo o que sabemos sobre:

CVMentrevistainvestimentosrendimentostaxas

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.