Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Apólices de seguro podem ficar mais simples

Tânia Rabello

26 de dezembro de 2010 | 20h45

imagem_1.JPG

Solange é a responsável pela elaboração da proposta

No início de 2011, a Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais (CNSeg) entregará uma proposta à Superintendência de Seguros Privados (Susep) sugerindo a simplificação das apólices de seguros.

O principal motivo da ideia é facilitar o entendimento do segurado sobre seus direitos e coberturas. “Queremos simplificar as condições gerais da apólice”, diz Solange Beatriz Palheiro Mendes, diretora executiva da CNSeg.

A executiva afirma que hoje esses documentos são muito grandes, usam termos técnicos e têm informações importantes com pouco destaque.

A dificuldade no entendimento da apólice ou a não leitura do documento, diz Solange, também pode gerar insatisfação do cliente diante dos serviços da seguradora. “Creio que metade das reclamações que as ouvidorias recebem são justamente por falta de conhecimento das regras descritas na apólice”, afirma.

Solange está, ao lado de outros membros da confederação, encabeçando a elaboração nova proposta. “Que já está na reta final”, comenta.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: