Falsas promoções na Black Friday: é indicado tirar print dos preços

Reclame Aqui recomenda que consumidor olhe os preços dos produtos que deseja antes da próxima sexta-feira e tire o print para verificar

Yolanda Fordelone

21 de novembro de 2014 | 15h40

No segundo vídeo da série sobre a Black Friday, o Reclame Aqui aponta para um dos problemas mais comuns do evento: as falsas promoções. Nas últimas edições, milhares de consumidores reclamaram sobre a ocorrência da maquiagem de preços. As lojas teriam aumentado o valor do produto antes de sexta-feira e voltado ao valor original no dia na Black Friday, fingindo ser uma liquidação.

O problema gerou até a famosa frase de piada: “Tudo pela metade do dobro”. Para se proteger da situação, o Reclame Aqui recomenda que os consumidores já façam ao longo da semana uma lista dos produtos que deseja e tire os prints dos preços praticados. Assim, no dia da Black Friday (28 de novembro) será possível verificar quem realmente está dando desconto. Confira o vídeo com as dicas:

Acompanhe a cobertura ao vivo da Black Friday 2014

Leia as principais reportagens

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.