finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Primeira parcela do 13º salário será paga até sexta-feira; envie sua pergunta sobre o tema

Yolanda Fordelone

25 de novembro de 2013 | 14h50

Até esta sexta-feira, 29, as empresas deverão pagar a primeira parcela do 13º salário . Para fazer um bom uso do dinheiro, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) dá algumas orientações.

A primeira delas é priorizar o pagamento de contas em atraso e dívidas mais caras, como o cheque especial e o rotativo do cartão de crédito.

A primeira parcela equivale a 50% do valor do seu último salário, ou seja, a metade do último salário recebido, sem descontos. Já a segunda parcela, que será paga em dezembro, corresponde aos outros 50%, porém, nela são descontados o INSS e o Imposto de Renda.

Nesta sexta-feira, o professor de finanças da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e da PUC-SP, Fabio Gallo, responde dúvidas de internautas sobre o assunto diretamente do estúdio da TV Estadão. Deixe sua pergunta no Facebook do Economia & Negócios ou nos comentários deste blog.

Acompanhe abaixo as recomendações da Febraban:

1. Priorize o pagamento de dívidas em atraso. Se estiver usando o cheque especial ou o rotativo do cartão de crédito aproveite para quitar essas dívidas, dessa forma você evita o efeito ‘bola de neve’.

2. Reserve parte do dinheiro para os gastos típicos do começo de ano (IPVA, IPTU e matrícula escolar). Algumas contas até oferecem desconto para pagamento a vista.

3. Organize seu orçamento entre despesas fixas e extras. Avalie sua situação financeira e veja se precisa economizar mais.

4. Compre com consciência. Planeje a despesa comprando com antecedência e realizando pesquisa de preço.

5. Poupe parte da renda para os imprevistos ao longo de 2014.

Fonte: Meu Bolso em Dia/ Febraban

Tudo o que sabemos sobre:

13º salário

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: