Quase metade do público da Expo Money é conservadora; feira ocorre nesta semana

Yolanda Fordelone

10 de setembro de 2013 | 15h11

No fim desta semana, ocorre em São Paulo a Expo Money, fera de educação financeira que permite que os investidores e interessados entrem em contato com diversos profissionais, por meio de estandes e palestras. Entre os participantes, a maioria (47%) é considerada conservadora nesta edição, de acordo com pesquisa feita pelos organizadores do evento.

Os fundos de renda fixa e CDB aparecem em segundo na preferência dos participantes (28%). O levantamento foi realizado com uma amostra de 1.500 inscritos.

Veja também:
+ Expo Money SP: crianças terão espaço na feira

Apesar de continuarem a ser minoria na edição de 2013, as mulheres têm ganhado espaço nas edições: neste ano são 39%; no ano passado foram 35%. O salto é ainda maior se comparado à primeira edição do evento, em 2003, quando elas eram 15% do público.

Outra amostra importante é que 42% dos paulistanos inscritos pretendem fazer um plano de previdência privada, enquanto 27% já o possui.

Em relação à idade, a maioria dos participantes é do público jovem, de até 34 anos. Os que têm entre 26 e 34 anos representam 34% e os de menos de 25, 31%.

Inscrições

Nesta edição serão mais de 80 palestras. As inscrições para a Expo Money 2013 são gratuitas, pelo site do evento. A grade completa de palestras pode ser acessada clicando aqui. A feira será realizada entre os dias 12 e 14 de setembro, no Expo Transamérica (Av. Dr Mário Villas Boas Rodrigues, 387 – Santo Amaro).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.