Brasil começa Cannes Lions com quatro Leões
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Brasil começa Cannes Lions com quatro Leões

Economia & Negócios

18 Junho 2018 | 16h30

Fernando Scheller

CANNES – O primeiro dia do Cannes Lions – Festival Internacional de Criatividade revelou os vencedores em duas categorias de premiação: Health & Wellness (saúde e bem-estar) e Pharma (voltada a publicidade sobre medicamentos). As duas premiações, que estão ligadas ao evento paralelo Lions Health, trouxeram os primeiros quatro Leões de 2018 para o Brasil, sendo três de prata e um de bronze.

Festival Lions Cannes Lions. Foto: Soraya Ursine/Estadão

Em Health & Wellness, as agências brasileiras conquistaram três Leões. As pratas foram para a WMcCann para a iniciativa Hospital do Amor, um filme de animação feito para uma campanha institucional do Hospital do Câncer de Barretos. Outro Leão de prata foi para Hemoji, uma peça publicitária para a Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, feito pela Young & Rubicam. Ainda na categoria, a BETC/Havas recebeu um bronze pelos Pôsteres Anti-Mosquito, para a associação Habitat para a Humanidade.

Em Pharma, o Brasil trouxe um único Leão para casa, de prata. O prêmio foi para a NBS, para uma ação sobre máscaras de nebulização para crianças, feita para a instituição Clin Kids, especializada em pediatria.

Jurado em Health & Wellness, o publicitário Burno Abner, da McCann Health, percebeu uma tendência de premiações para campanhas de conscientização. E lembrou que cada peça escolhida pelo júri teve um elemento de realização que ajudou na seleção. No caso da prata da WMcCann, diz ele, o destaque foi o uso da música em um filme de animação.

Mais conteúdo sobre:

Cannes Lions 2018