finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Intimidade roubada

nayarasampaio

11 de novembro de 2013 | 10h15

Nayara Fraga – O Estado de S.Paulo

Para gravar a nova campanha do café Pilão Senseo – um sistema de café coado cremoso em sachês, da marca Café Pilão -, a agência de publicidade JWT criou um set atípico. Em vez das 40 pessoas necessárias, em média, para uma gravação, apenas 15 estavam no ambiente. Isso para preservar a intimidade do casal Fernanda Lima e Rodrigo Hilbert e passar a mensagem de que o café da marca destina-se a momentos especiais.

pilao1.jpg

A tentativa surtiu efeito. O casal até mudou o texto sugerido, segundo Ricardo John, diretor executivo de criação na JWT. Isso acabou mantendo a naturalidade do diálogo, incluindo pequeno erro de português da gaúcha. “Rodrigo, tu me ama?”, diz Fernanda no filme.

John explica que, além da “intimidade roubada do casal”, o filme tem, como curiosidade, a concretização do “momento sensorial”. A cena da máquina fazendo café levou 13 horas para ficar ideal. Tudo isso para “extrair o máximo de poesia possível daquele momento”.
Para passar a sensação de cremosidade ao espectador, foi necessária uma câmera que captura 480 quadros por segundo.

O comercial começa a ser veiculado nesta segunda-feira, 11.

pilao2.jpg

pilao3.jpg

Tudo o que sabemos sobre:

alimentoscafécomercialPilão

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: