finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

5 notícias que mexeram com a economia nesta semana (de 15 a 19/9)

Oferta pública de capital do Alibaba Group foi fato mais importante da semana, arrecadando US$ 21,8 milhões para a empresa chinesa

blogs

20 de setembro de 2014 | 09h00

A notícia de maior impacto no noticiário econômico mundial nesta semana foi a oferta pública de capital do Alibaba Group. Esperado para ser o maior da história, o IPO (na sigla em inglês) da empresa chegou quase lá: arrecadou de cara US$ 21,8 milhões de investidores.

Veja abaixo este e outros destaques que aconteceram entre segunda-feira, 15, e sexta-feira, 19.

1) IPO do Alibaba

Muito aguardada, a estreia do Alibaba na Bolsa de Nova York foi um sucesso. Cotadas a US$ 68 na abertura do pregão, as ações da empresa subiram 38% e fecharam cotadas a US$ 93,89.%.

2) Fed retira estímulos

Novamente o Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) reduziu a injeção de dinheiro na economia. O programa de estímulos, em vigor desde 2008, está cada vez mais perto do fim. Os juros básicos do país, no entanto, continuam beirando zero por centro ao ano.

3) Novo iPhone chega às lojas

Como sempre, mais um lançamento do celular da Apple causou furor. Milhares de pessoas se aglomeraram diante de lojas para garantir o seu – mesmo que tanto esforço seja racionalmente difícil de ser explicado.

4) Escoceses dizem “não” à independência

O resultado foi apertado, mas a Escócia continua fazendo parte do Reino Unido. Votaram pelo “não” 55,3% dos eleitores. Bolsas da Europa abriram a semana abaladas pela proximidade da decisão.

5)Telefônica compra GVT

Foi anunciado na sexta-feira, 19, que a empresa francesa de mídia e telecomunicações Vivendi fechou o acordo definitivo de venda da brasileira GVT para a Telefônica. O acordo foi autorizado pelo seu conselho de administração.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: