As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Anúncios em redes sociais nos EUA devem somar US$ 1,68 bi

Facebook deve abarcar sozinho metade desse valor, segundo pesquisa

Carla Miranda

18 de agosto de 2010 | 14h53

O Facebook está puxando o mercado de publicidade nas redes sociais. A empresa abarcará metade do US$ 1,68 bilhão que deve ser investido em propaganda nesse segmento, segundo uma projeção elaborada pela empresa eMarketer.

O concorrente MySpace, diz a pesquisa, vem reduzindo cada vez mais sua participação no bolo, e o Twitter ainda não ocupa um lugar de destaque porque só neste ano começou a vender anúncios.

Para 2011, a projeção é de que a publicidade em redes sociais some US$ 2,09 bilhões nos EUA, pouco mais do que a soma de todos os outros países, sempre segundo estimativas da eMarketer. No ano que vem, no entanto, o mercado norte-americano deve ser superado pelo do resto mundo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.