As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Atraso no Brasil eleva preço mundial do açúcar, diz FT

Importadores do produto fazem fila em portos brasileiros para repor estoques

Carla Miranda

27 de julho de 2010 | 10h35

O Brasil, maior produtor de açúcar do mundo, tem demorado mais do que o normal para entregar o produto aos clientes, o que gera uma longa fila de navios nos portos – fato incomum no País – e provoca alta no preço internacional da mercadoria, na avaliação do jornal britânico Financial Times.

Os atrasos ocorrem porque a produção brasileira não está dando conta de atender a demanda. Segundo o jornal, importadores de açúcar aproveitaram para vender mais quando os preços subiram no começo do ano. Agora, eles estão com estoques baixos e precisam repô-los, provocando novo aumento de preço.

Especialistas estão divididos sobre as perspectivas para o mercado de açúcar, diz a reportagem. Alguns acreditam que este seja um fenômeno temporário, que durará apenas o tempo de reposição dos estoques.

Outros já esperam que os preços devem subir mais, devido ao mau tempo na Rússia e na China. O jornal lembra, ainda, que a Tailândia, segundo maior exportador de açúcar do mundo, recentemente precisou importar o produto, o que não acontecia havia três décadas.

Leia a reportagem no site do Financial Times (em inglês)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.