As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Bélgica é o país que mais taxa renda de ricos; Brasil é 27º

Estudo com 88 nações refere-se a quem ganha mais de US$ 300 mil anuais

Carla Miranda

29 de setembro de 2011 | 19h08

numero_do_dia_138_80.JPG

Número do dia: 55,5%

É a alíquota de tributos que incide sobre renda dos ricos na Bélgica

 

A

, segundo um ranking elaborado pela consultoria KPMG com 88 países.

A empresa fez um levantamento da alíquota de imposto de renda e de contribuição social que incide sobre as pessoas que ganham US$ 300 mil (R$ 540 mil) por ano ou mais, o que dá US$ 25 mil por mês (R$ 45 mil).

Na Bélgica, quem tem essa renda paga 55,5% de imposto. A França aparece em segundo, com uma taxa de 53%; o terceiro é a Islândia, com 51,3%.

O Brasil aparece em 27º na lista, com 38,5%, sendo 27,5% de IR e 11% de contribuição social. Vale lembrar que essa taxa de Imposto de Renda vale não apenas para quem ganha mais de US$ 300 mil, e sim para os que recebem acima de R$ 44.918 por ano (R$ 3.743 por mês). Em outras palavras, essas alíquotas atingem os ricos e também a classe média.

Veja alguns destaques do ranking

PosiçãoPaísAlíquota
1Bélgica55,5
2França53,0
3Islândia51,3
4Dinamarca50,9
5Itália50,0
6Suécia49,2
7Aruba48,4
8Finlândia48,1
9Papua Nova Guiné47,9
10Holanda47,6
27Brasil38,5
35China36,5
42Argentina34,0
52EUA29,8
87Ilhas Cayman0,0
88Catar0,0

Veja outros posts da seção Número do Dia

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.