As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Bilionário Carlos Slim vai fundir Embratel e Claro, diz jornal

Objetivo é enfrentar concorrência de Vivendi, Portugal Telecom e Telefónica

Carla Miranda

26 de maio de 2010 | 08h50

O bilionário mexicano das telecomunicações Carlos Slim decidiu fundir em no máximo dois meses duas das empresas que controla no Brasil, a Claro e a Embratel, segundo a Folha de S.Paulo. O objetivo é gerar sinergia para enfrentar concorrência com a Vivendi, a Portugal Telecom e a Telefónica.

Segundo o jornal, o atual presidente da Embratel, José Formoso Martínez, deve assumir a nova empresa. O negócio depende de aprovação da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.