As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Brasileiros poderão comprar ações de empresas dos EUA

BM&FBovespa dá últimos retoques em novo sistema de transações

Carla Miranda

20 de abril de 2010 | 08h56

A BM&FBovespa está terminando de elaborar um sistema de transações que dará a investidores brasileiros a possibilidade de comprar ações de grandes empresas dos Estados Unidos, informa o jornal Valor Econômico.

Trata-se de um sistema de negociação de BDRs (“Brazilian Depositary Receipts”), papéis que representarão aqui as ações de empresas dos EUA. Ou seja,  da mesma forma como a bolsa de Nova York trabalha com ADRs (“American Depositary Receipts”), títulos que correspondem a ações de empresas como Petrobras e Vale, entre outras.

Pelo sistema de BDRs, as ações de empresas norte-americanas continuarão sendo custodiadas (guardadas) nos EUA, mas as instituições financeiras emitirão no Brasil, paralelamente, papéis que representam essas ações.

Leia resumo da reportagem no site do Valor Econômico (aberto)

Leia a reportagem completa (para assinantes do Valor)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.