As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Com visita ao Brasil, Cameron diz garantir 3 mil empregos no Reino Unido

Segundo jornal, ele deve assinar acordos no valor de R$ 330 milhões

Carla Miranda

27 de setembro de 2012 | 18h48

david_cameron_uk_fiesp_efe_Junior_Ruiz.jpg

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, deve assinar acordos comerciais com o Brasil no valor de £ 100 milhões (R$ 330 milhões, na cotação atual), informa o site do Financial Times.

Segundo o diário inglês, Cameron disse que os acordos firmados no País devem “criar” e “proteger” 3 mil empregos no Reino Unido.

“Essa visita é sobre empregos britânicos, crescimento britânico e a economia britânica, porque quero que a Grã-Bretanha esteja amarrada às economias que crescem mais rápido no planeta”, disse o premiê, conforme transcrito no FT. Ele foi à inauguração de uma fábrica da britânica JCB nesta quinta-feira, em Sorocaba (SP).


VEJA TAMBÉM: Cameron quer incrementar relações com o Brasil

Para o Financial Times, a visita de dois dias do chefe do governo britânico ao Brasil “ilustra a investida do primeiro-ministro em forjar laços econômicos mais profundos com a maior economia da América Latina”.

Hoje, as relações comerciais do Brasil são mais intensas com outros países da Europa. Apenas 1,5% das importações do País vêm do Reino Unido, enquanto, por exemplo, 6,4% chegam da Alemanha.

Para reverter esse quadro, diz o FT, Cameron reuniu uma delegação de 58 grandes empresários.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.