As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Por engano, Espanha divulga maior desemprego desde 1997

Instituto de Estatística do país antecipa os dados no site por engano

Carla Miranda

27 de abril de 2010 | 09h03

Atualizado às 9h27

O desemprego na Espanha aumentou de 18,83% da população ativa no final do ano passado para 20,05% no fim do primeiro trimestre deste ano, informa o site do jornal ABC. O site do diário El País observa que este é o maior patamar desde 1997.

Nos três primeiros meses deste ano, o mercado perdeu 286.200 postos de trabalho, aumentando para 4,6 milhões o número total de desempregados.

Segundo o site ABC, os dados da pesquisa “Encuesta de Población Activa” deveriam ser divulgados na próxima sexta-feira, mas o Instituto Nacional de Estatística (INE) da Espanha colocou os resultados no site por engano.

Em nota à imprensa, o INE afirmou que “devido a um incidente,  […] alguns dados desta pesquisa ficaram temporariamente disponíveis na web”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.