As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dilma é mais ‘sóbria’ e ‘eficaz’ que Lula, diz jornal ‘El País’

Presidente impõe regras rígidas e tenta transformar ministérios em 'empresas'

Carla Miranda

21 de janeiro de 2011 | 11h16

Atualizado às 11h54*

dilma_rousseff_palocci_cardozo_ae_celso_junior_20012011.jpg
Dilma em reunião com ministros Antonio Palocci (Casa Civil) e José Eduardo Cardozo (Justiça)
Foto: Celso Jr./AE

O jornal espanhol “El País” publicou uma reportagem descrevendo a forma como a presidente Dilma Rousseff está implementando sua maneira de administrar.

—-
MAIS NO RADAR: possível erro no Google Chrome diminui segurança
—-

Para o diário, a nova chefe de governo tem um estilo “mais técnico, mas também mais sóbrio, eficaz, exigente e concreto que o de seu antecessor, Luiz Inácio Lula da Silva. […] Ela pretende fazer com que cada um dos 37 ministérios funcione como uma empresa”.

Em texto intitulado “Dilma impõe seu estilo no Brasil”, o jornal cita alguns fatos que mostram o estilo de gestão da presidente:

– Dilma não gostou da primeira reunião ministerial e resolveu dividir os ministros em quatro grupos para agilizar as conversas: “desenvolvimento social e eliminação da miséria”, “desenvolvimento econômico”, “gestão e infraestrutura” e “direitos de cidadania e movimentos sociais”. Ela nomeou um ministro para “presidir” cada grupo.

– A presidente é sempre a primeira a chegar às reuniões com ministros e já advertiu que não admitirá atrasos.

– Todos que têm audiência com a mandatária devem desligar os celulares durante a reunião.

Ministros terão limite de tempo para apresentar projetos e prestar contas à presidente: 15 minutos para os de pastas consideradas mais importantes e 5 minutos para os das demais.

– As reuniões com ministros serão sempre às sextas-feiras, para garantir que eles não saiam de Brasília antes de a semana terminar.

– Dilma advertiu a Aeronáutica de que os ministros só poderão usar os aviões das Forças Armadas em casos excepcionais. O jornal lembra que Tarso Genro, ex-ministro da Justiça, utilizou 40 vezes essas aeronaves em 2009.

– A presidente passa os fins de semana em sua terra, Porto Alegre, e não recebe visitas políticas.

Leia a reportagem no site do jornal “El País” (em espanhol)

*Correção: as reuniões com ministros serão às sextas, e não às quintas, como afirmava incorretamente este texto.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.