As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Em pesquisa com investidores, 83% disseram crer em vitória de Obama

Royal Bank of Scotland ouviu 400 agentes do mercado durante uma conferência

Carla Miranda

20 de setembro de 2012 | 12h54

Uma pesquisa com cerca de 400 investidores institucionais feita em uma conferência do Royal Bank of Scotland registrou que 83% dos entrevistados acreditam que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, será reeleito, informa o Wall Street Journal.


VEJA TAMBÉM: Eleições nos EUA 2012

Considerando essa informação e também a alta recente das bolsas americanas, o autor da reportagem, David Wessel, infere que o mercado de ações “não está exatamente assustado” com a possível reeleição de Obama, “a Nêmesis das grandes empresas e o advogado do aumento de impostos sobre a classe dos investidores”.

O índice Dow Jones subiu 4% neste mês e 11% no ano. O Nasdaq e o S&P 500, outros dois indicadores importantes no mercado, acumulam alta de 22% e 16% desde janeiro.

Wessel acrescenta, ainda, que os investidores possivelmente estão mais preocupados com outras coisas do que com a disputa eleitoral. Uma das explicações é que, tanto as chances de reeleição de Obama quanto a alta da bolsa resultam de recentes notícias sobre a saúde da economia, segundo a avaliação de Paul Dales, da Capital Economics.

Outra explicação para a alta das bolsas é a decisão do Federal Reserve de manter os juros baixos até 2015, abrindo espaço para que as ações se tornem uma opção melhor para os investidores.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.