As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Acer, fabricante de computador, quer 20% do mercado brasileiro

Empresa de Taiwan entrou no País no ano passado; China também está na mira

Carla Miranda

31 de março de 2010 | 12h30

A fabricante de computadores Acer, com sede em Taiwan, escolheu a China e o Brasil como “condutores-chave do seu crescimento”, segundo reportagem do Wall Street Journal.

O presidente da empresa, Gianfranco Lanci, concedeu uma entrevista ao jornal, na qual revela os planos de empresa de atingir entre 15% e 20% do mercado brasileiro de computadores neste ano (atualmente, ela tem entre 12% e 14%). É um número considerável para uma empresa que entrou no País em meados do ano passado, ao abrir aqui uma subsidiária.

Na China, a Acer quer aumentar sua fatia de mercado de 7% para 10%. A empresa já é forte em outros países emergentes, como Rússia e Indonésia, onde detém de 35% a 40% do mercado.

Leia a reportagem no site do Wall Street Journal (em inglês)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.