As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Inglês organiza ‘vaquinha’ para resgatar a Grécia

Vendedor de 29 anos lançou uma campanha de 'crowdfund' para arrecadar os € 1,6 bilhão que a Grécia deve ao FMI; segundo ele, se cada pessoa da UE doar € 3, o montante será atingido

Economia & Negócios

30 de junho de 2015 | 12h48

Atualizada às 16h30

Um inglês de 29 anos não conseguiu suportar a angústia de esperar por um acordo entre o governo da Grécia e seus credores e decidiu resolver ele mesmo esse imbróglio de anos.

Segundo o jornal inglês The Independent, Thom Feeney – um vendedor de sapatos em Londres – iniciou no domingo uma “vaquinha” on-line em um site de crowdfund para arrecadar os € 1,6 bilhão que a Grécia precisa pagar nesta terça-feira, 30, ao Fundo Monetário Internacional (FMI).

Sem acordo, o país já avisou que não irá pagar a dívida hoje, o que colocará a Grécia a um passo de dar adeus à zona do euro.

Feeney tem uma linha de raciocínio muito clara: há 503 milhões de pessoas na União Europeia. Se cada pessoa doar apenas € 3 cada (o mesmo preço de uma salada grega, segundo ele), o montante será atingido. “Eu me cansei de ver essa crise andar em círculos. Enquanto os políticos hesitam, a crise afeta pessoas reais”, explicou ele no site.

“Parece-me haver um esforço de muitos meios de comunicação para nos convencer de que cortes, privações e austeridade são necessários para crescimento, mas isso não funciona comigo”,  disse Feeney ao site do jornal The Independent, o i100.

O vendedor de sapatos oferece alguns “incentivos” para quem doar:

Cartão postal de Alex Tsipras, premiê da Grécia, para quem doar € 3 (com frete incluso para qualquer lugar do mundo e entrega prevista em agosto);
Uma salada grega fresca na porta de quem doar € 6;
Uma garrafa de Ouzo (bebida alcoólica grega feita com base no anis) para quem doar € 10;
Uma garrafa de vinho grego para quem doar € 25;
Cesta de produtos gregos para quem doar € 160;
Uma semana em Atenas com tudo pago para quem doar € 5 mil (disponível apenas para cidadãos da União Europeia);
Muita gratidão de europeus e especialmente do povo grego para quem doar € 1 milhão.

Feeney havia prometido uma pequena ilha grega para quem doasse o montante total de € 1,6 bilhão, mas retirou a oferta do site. “Eu imaginei que o sr. Tsipras aceitaria alegremente essa oferta, mas o IndieGoGo (site que organiza a “vaquinha”) me enviou um e-mail informando que o governo grego não havia concordado oficialmente com isso, portanto eu não estava autorizado a oferecer a ilha”, explicou.

Sua ideia de um resgate “do povo, para o povo” está ganhando seguidores pelo velho continente. Feeney disse ao The Independent que está recebendo uma enorme quantidade de mensagens de apoio.

Até as 12h desta terça-feira, o site havia arrecadado mais de € 190 mil. O prazo está acabando, mas ainda dá tempo de ajudar. Só não se esqueça de que a cotação do euro está atualmente em R$ 3,45.

Em tempo:

Devido ao grande número de acessos, a página chegou a sair do ar. Por volta das 20h, o valor das doações superava € 430 mil.

 

Tudo o que sabemos sobre:

calotecrowdfundingFMIGréciaresgate

Tendências: