As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Ninguém faz uma descoberta dessa hoje’, diz AIE

Avaliação sobre Libra é da Agência Internacional de Energia

Carla Miranda

29 de outubro de 2010 | 17h40

A descoberta das reservas de até 15 bilhões de barris de petróleo na região de Libra, Bacia de Santos, é a maior do Continente Americano desde 1976, quando foi encontrado óleo na área de Cantarell, no México, informa a agência “Bloomberg”.

—-
ENQUETE: os carros chineses invadirão o Brasil?
Radar Econômico é finalista do prêmio Top Blog. Vote!
—-

Nos últimos dez anos, as descobertas do pré-sal só perderam para as do Oriente Médio, disse à “Bloomberg” o analista Julius Walker, da Agência Internacional de Energia (AIE). Walker é responsável pelas projeções de fornecimento de petróleo feito pela instituição.

“Ninguém faz descobertas como essa em lugar nenhum atualmente. Isso faz do Brasil a mais empolgante das novas áreas [de petróleo]”, afirmou Walker.

A Agência Nacional de Petróleo, pela última estimativa, afirma que as reservas do campo de Libra variam entre 3,7 bilhões e 15 bilhões de barris de petróleo, sendo que o mais provável é 7,9 bilhões.

Atualmente, o País tem reservas comprovadas de 14 bilhões de barris de petróleo, lembra a “Bloomberg”.

Leia a reportagem no site da “Bloomberg” (em inglês)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.