As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Paródia mostra clientes do Goldman Sachs como ‘muppets’

Ex-executivo do banco havia dito que clientes são chamados de 'muppets'

Carla Miranda

26 de março de 2012 | 11h44

Ainda não parou de repercutir o artigo de um ex-executivo do banco Goldman Sachs que, no seu último dia de trabalho, resolveu lançar aos quatro ventos os podres que disse ter testemunhado na empresa.

Circula em redes sociais uma paródia (vídeo acima) da música “Man or Muppet“, que ganhou o Oscar de canção original neste ano – prêmio ao qual, diga-se de passagem, os brasileiros Sergio Mendes e Carlinhos Brown estavam concorrendo, com a música “Real in Rio“, feita para o filme Rio.

Entre as acusações do ex-executivo ao Goldman Sachs estava a de que os funcionários chamam os clientes de “muppets”, termo em inglês com significados diversos como “fantoche” e até “idiota”, conforme explica o site “The Blaze“.

Uma semana depois da publicação do artigo no “New York Times“, a rede de televisão CNBC informou que o presidente do banco resolveu fazer uma varredura nos e-mails trocados entre funcionários para localizar o uso do termo “muppets”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.