As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

População chinesa ainda é majoritariamente rural

Mais da metade dos chineses ainda vive no campo, segundo o censo

Carla Miranda

29 de abril de 2011 | 13h01

Atualizado às 17h50

O “China Daily” destaca nesta sexta-feira, 29, dados sobre o censo demográfico  de 2010 da China. O país agora tem 1,37 bilhão de habitantes, o que representa um crescimento médio anual de 0,57% ao longo de dez anos.

A variação é pequena como proporção da população local, mas em números absolutos chama atenção: o país ganhou 73,9 milhões de pessoas desde 2000, equivalente a mais de um terço dos habitantes do Brasil. O censo anterior mostrou que de 1990 a 2000 o crescimento havia sido bem maior, de 130 milhões de pessoas.

Outra peculiaridade da China é que, apesar de ser a segunda maior economia do mundo, ainda é um país predominantemente rural e de população jovem. A população em áreas urbanas cresceu 13,5%, mas ainda assim mais da metade mora no campo. O número de pessoas com mais de 60 anos cresceu 2,9% e agora corresponde a 13,3% do país.

Leia a notícia no site do “China Daily” (em inglês)

CORREÇÃO: O crescimento da população chinesa foi em média de 0,57% ao ano ao longo de dez anos, e não 0,57% em dez anos, como afirmava incorretamente este post. O erro foi corrigido às 17h50.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.