As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Aparente erro no Google Chrome diminui segurança, diz site

Ronaldo Lemos alerta para riscos na internet, citando blog americano

Carla Miranda

20 de janeiro de 2011 | 15h29

ronaldo_lemos01.jpgRonaldo Lemos (foto)*, novo colaborador do blog Radar Econômico, alerta para os riscos que os usuários de internet correm devido à “confusão que é a segurança nos navegadores de internet”.

Para entender o assunto, Lemos recomenda artigo publicado no blog “Freedom to Tinker”.

O texto afirma que o Chrome 8, navegador de internet do Google, “parece conter um bug” que confunde o usuário, fazendo com que ele não saiba se está navegando no site correto ou em um clone.

O Internet Explorer 9, o Firefox 4 e o Safari 4 exibem – na mesma barra onde aparece a URL (endereço) do site visitado – o nome da instituição responsável pelo site, no caso de sites

Por exemplo, ao entrar na página de um banco, esses três navegadores mostram, além do ícone de um pequeno cadeado, o nome do banco. Já o Chrome, nem sempre exibe o nome.

O cadeado significa apenas que o usuário está em uma conexão criptografada, mas não diz de quem é a conexão. É possível, por exemplo, que um impostor tenha construído um site igual ao do seu banco e mesmo assim pode aparecer um cadeado – e isso independe do navegador. Por isso a importância de o navegador indicar também o nome da instituição que é dona do site.

Se você entrar em um site que exige senha e tiver dúvida se está mesmo na página correta ou em um clone, a dica é ver se, ao lado do endereço, aparece o nome do site. Se você estiver usando o Chrome e isso não ocorrer, a sugestão é acessar o mesmo site com outros navegadores e ver aparece.  

Procurado por Radar Econômico, o Google não se manifestou sobre o assunto até o horário de publicação deste texto.

Leia o artigo no site “Freedom to Thinker” (em inglês)

Novo colaborador

* Ronaldo Lemos é diretor do Centro de Tecnologia e Sociedade da Fundação Getulio Vargas. Atualmente é visiting fellow na Universide de Princeton, no Center for Information Technology Policy.

Com este post ele inicia sua colaboração no Radar Econômico e vai nos ajudar a encontrar o que de mais relevante ou interessante for publicado na mídia sobre propriedade intelectual e tecnologia.

O Radar Econômico a partir de agora contará com a colaboração de especialistas em diversos segmentos da economia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.