As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Apple tem mais dinheiro disponível do que o Tesouro dos EUA

Blogueiro canadense nota que balanço americano é menor que caixa da Apple

Carla Miranda

29 de julho de 2011 | 16h07

Atualizado às 18h44*

timothy_geithner_ap_fred_watkins_24072011.jpg
Timothy Geithner, secretário do Tesouro dos EUA (foto: Fred Watkins/AP ABC)

A Apple tem atualmente mais dinheiro disponível do que o Tesouro dos EUA, observa o jornalista Matt Hartley, do diário canadense “National Post”.

Ele notou que o Tesouro teve um saldo de US$ 73,768 bilhões no 

Documento

do dia 27, enquanto a Apple, segundo os dados mais recentes, tem US$ 75,876 bilhões em caixa. O primeiro valor, diz o autor do texto, corresponde a quanto o Tesouro tinha à disposição naquele dia.

O próprio jornalista, no entanto, reconhece que os dois valores “não são diretamente comparáveis”. Os recursos do Tesouro estão relacionados com um “teto arbitrário de endividamento”, que pode ser elevado a qualquer momento, enquanto o da empresa corresponde à reserva que a companhia juntou e que não pode ser elevado por meio da lei.

Empresas versus governo

Outra comparação entre do governo americano e do setor privado, neste momento de crise da dívida, foi feita recentemente pelos jornais “The Wall Street Journal” e “Financial Times“. Ambos chamaram atenção para o fato de que quatro companhias gigantes dos EUA estão mais bem avaliadas pela agência de classificação de risco Standard & Poor’s do que os títulos do governo americano.

Microsoft, ADP, Johnson & Johnson e Exxon têm nota AAA, a classificação mais alta que a S&P atribui a um papel. Os títulos dos EUA também têm essa nota, mas estão com “perspectiva negativa” (podem ser rebaixados em breve), enquanto essas empresas não.

Veja também

.

* O título foi invertido para evitar margens a interpretações distorcidas. Em vez de dizer que o “Tesouro tem menos dinheiro disponível que a Apple”, a frase foi trocada para “Apple tem mais dinheiro disponível que o Tesouro”. A Apple tem avançado nesse indicador; já o Tesouro dos EUA opera nesse nível há anos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.