As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Victoria’s Secret em SP vende 3 vezes mais que média nos EUA

Brasileira Adriana Lima foi escolhida para exibir sutiã de US$ 2 milhões

Carla Miranda

21 de outubro de 2010 | 12h07

adriana_lima_victorias_secret_sutia_bombshell_ap_evan_agostini_20102010.jpg
Adriana Lima exibe o sutiã ‘Bombshell Fantasy’, de US$ 2 mi (foto: Evan Agostini/AP)

A Victoria’s Secret, que contratou a modelo brasileira Adriana Lima para exibir um sutiã de US$ 2 milhões ontem (quarta-feira, 20), tem uma receita de US$ 10 milhões por ano na loja do Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP), três vezes mais que a média de suas unidades nos Estados Unidos.

A informação foi dada por Leslie Wexner, presidente da Limited Brands, empresa dona da marca Victoria’s Secret, durante encontro com acionistas ontem. A notícia foi publicada no “Wall Street Journal”.

Segundo o jornal, um investidor presente na reunião sugeriu que a marca investisse mais fora dos EUA, mas o presidente da empresa afirmou que, apesar de estar entusiasmado com a perspectiva global, não quer que tirar atenção da sua equipe doméstica.

Leia a reportagem no site do “Wall Street Journal” (em inglês)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.