Estudo analisa as dez maiores construtoras brasileiras

Leon Victor de Queiroz

30 de setembro de 2010 | 09h14

Juntas, as dez maiores construtoras brasileiras registraram receita de R$ 16,7 bilhões em 2009, 35% mais do que no ano anterior. O dado está no estudo lançado nesta semana pela empresa de auditoria e consultoria Crowe Horwath RCS, sobre o desempenho do setor. Houve, também, aumento de 16% no lucro bruto, que somou de R$ 5,4 bilhões. 

Entre os destaques está a Cyrela, que aparece com a maior receita (R$ 4,08 bilhões) e lucro líquido (R$ 729 milhões) em 2009 e no primeiro lugar em todos os itens pesquisados. A Gafisa ocupa a segunda posição em termos de receita (R$ 3,02 bilhões, alta de 74% com relação a 2008), mas perde posições na avaliação do lucro, indo para o quinto lugar, com R$ 214 milhões. Mesmo assim, o aumento do lucro da Gafisa com relação a 2008 foi de 94%. A segunda maior em lucro líquido é a MVR, com R$ 347 milhões, alta de 50%.

Clique aqui para ver o estudo completo  

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.