Ruy Ohtake assina projeto que une conforto e tecnologia
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Ruy Ohtake assina projeto que une conforto e tecnologia

Elevadores e sistemas de alta eficiência energética são destaques do empreendimento construído em Brasília

Claudio Marques

01 Setembro 2016 | 11h54

Ohtake

Um centro empresarial inteligente, econômico e sustentável, que traz a assinatura arquitetônica de Ruy Ohtake. A predileção por curvas é um traço importante no trabalho do arquiteto. Por isso, essa é uma das marcas do PO 700, da Paulo Octavio Investimentos Imobiliários.

Inaugurado em abril de 2015 na Asa Norte, em Brasília, o prédio se destaca entre os demais empreendimentos com sua fachada com ondas coloridas.

“É um diferencial do Ruy Ohtake. Os prédios em Brasília, em geral, são muito padronizados e ele buscou inovação, como em todos os projetos que assina”, diz Paulo Octavio, presidente e fundador da empresa.

Vencedor do Master Imobiliário de empreendimento comercial, o sistema de construção do PO 700 foi baseado no sistema Leed (Leadership in Energy and Environmental Design), que orienta, atesta e avalia o comprometimento de uma edificação com os princípios da sustentabilidade para a construção civil – na fase de projeto, durante e depois de suas obras de construção. “Todas as madeiras utilizadas na obra foram certificadas e limpávamos cada caminhão que entregava concreto”, afirma Octavio. “Ainda não recebemos a certificação, mas buscamos a mais alta.”

O nome PO 700 alude à própria empresa e seu fundador, por ser a obra de número 700 da Paulo Octavio Investimentos Imobiliários.

Com 50 mil m² de área edificada, sendo 30 mil m² de área útil, o empreendimento foi projetado para atender à demanda crescente de aluguel por grandes corporações, empresas estatais e autarquias. “Brasília não tem prédios modernos”, argumenta. “Sentimos a demanda de um edifício com essas características. Queremos um usuário único e estamos negociando com uma grande empresa.” Segundo Octávio, o preço médio para aluguel é de R$ 60 a R$ 70 por metro quadrado.

Além do térreo, o prédio possui sete andares, medindo 4 mil metros quadrados cada, três subsolos de garagem, com 900 vagas, espaço para lojas e um auditório com 120 lugares. A fachada com ondas coloridas foi projetada para reduzir a entrada de calor no interior do prédio, aumentando, desta maneira, o conforto térmico.

Um dos diferenciais do PO 700 são os oito elevadores superdinâmicos, com capacidade para 20 pessoas e velocidade de 105 metros por segundo.

Outro destaque é o sistema de ar condicionado com alta eficiência energética, que garantiu outra premiação ao empreendimento. Conquistou o troféu de Destaques do Ano, Smacna- Brasil – 2015, por ser o primeiro empreendimento no Brasil a ter os sistemas de refrigeração Trane Stealth instalados. Os equipamentos possuem redutor de ruídos, válvulas de balanceamento e pressão diferencial.

Mais conteúdo sobre:

Prêmio Master Imobiliário