Banda larga da Oi, Vivo e TIM fica abaixo de metas da Anatel em julho
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Banda larga da Oi, Vivo e TIM fica abaixo de metas da Anatel em julho

nayarasampaio

30 de agosto de 2013 | 16h24

A Oi foi a única prestadora de serviços de banda larga fixa a não atingir as metas de velocidade e qualidade fixadas pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em julho.

TIM e Vivo ficaram abaixo do padrão mínimo cobrado pela Anatel em serviços no Rio de Janeiro e em São Paulo, informou a agência nesta sexta-feira, 30.

Banda larga de Oi, Vivo e TIM ficam abaixo de metas da Anatel

Banda larga fixa

Foram avaliadas as prestadoras de serviços de banda larga fixa Oi, Net, GVT (do grupo francês Vivendi), Vivo, CTBC/Algar, Ajato, Sercomtel e Cabo Telecom nos Estados de Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Norte.

Todas as operadoras avaliadas atingiram ou superaram as metas de velocidade instantânea de 95%, velocidade média de 60%, latência (período de transmissão de pacotes) de 85%, jitter (variação de latência) de 80%, perda de pacotes de 85% e disponibilidade de 85%.

A Oi, no entanto, registrou no Rio de Janeiro, seu principal mercado, índice de perda de pacotes de 77,72%, enquanto no Paraná a taxa foi de 83,64%. Além disso, a operadora registrou latência de 14,02%, abaixo da meta, no Rio Grande do Norte.

Banda larga móvel

Na banda larga móvel, foram avaliadas as operadoras Claro (da América Móvil), Oi, Vivo e TIM nos Estados de Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Paraná.

A Vivo ficou abaixo da meta de 95% da taxa de transmissão instantânea no Rio de Janeiro (91,09%) e em São Paulo (93,55%). A TIM também ficou abaixo do objetivo nesse quesito em São Paulo, com 89,51%.

No item taxa de transmissão média, todas as operadoras celulares superaram a meta de 69%, informou a Anatel.

De acordo com a agência, as operadoras que não atingiram as metas serão alvo de procedimentos administrativos para sanções, que podem ser advertências ou multas. Oi, Vivo e TIM não comentaram o assunto de imediato.

(Reuters)

VEJA TAMBÉM

Brasileiro Hugo Barra anuncia saída do Google

Skype completa 10 anos de ligações online

(Foto: StockXchng)

Tudo o que sabemos sobre:

Anatelbanda largatelefonia

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.