finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Com venda adicional de ações, Alibaba registra maior IPO do mundo

Oferta pública de ações do grupo chinês levantou US$ 25 bilhões após a empresa e seus acionistas terem vendido ações adicionais

blogs

22 de setembro de 2014 | 10h05

Jack Ma toca o sino em NY (Foto: AFP)

Jack Ma toca o sino em NY (Foto: AFP)

A oferta pública inicial de ações do grupo Alibaba não é só a maior dos Estados Unidos, mas é agora a maior do mundo, com US$ 25 bilhões levantados após a gigante de e-commerce e alguns de seus acionistas terem vendido ações adicionais.

A expressiva demanda fez com que a oferta pública inicial de ações, conhecida como IPO na sigla em inglês, levantasse inicialmente US$ 21,8 bilhões e, em seguida, fizesse as ações do Alibaba subirem 38% em sua estreia na bolsa, na sexta-feira.

Isso levou os subscritores a exercerem uma opção de venda de 48 milhões de ações adicionais, disse uma fonte com conhecimento direto do negócio.

O IPO superou o recorde mundial estabelecido anteriormente pelo Banco Agrícola da China em 2010, quando o banco levantou US$ 22,1 bilhões.

Sob a opção, o Alibaba acordou a venda de 26,1 milhões de ações adicionais e o Yahoo de 18,3 milhões, o que rendeu às duas empresas US$ 1,8 bilhão e US$ 1,2 bilhão extras, respectivamente.

Jack Ma, do Alibaba, acordou a venda de 2,7 milhões de ações adicionais e o co-fundador da empresa Joe Tsai acordou a venda de mais 902.782 ações, de acordo com o prospecto.

A fonte não quis ser identificada pois os detalhes da venda adicional ainda têm de ser oficializados. O Alibaba se recusou a comentar.

Citigroup, Credit Suisse, Deutsche Bank, Goldman Sachs, JPMorgan Chase & Co e Morgan Stanley atuaram como bancos coordenadores do IPO.

O Rothschild foi contratado como assessor financeiro independente do Alibaba no negócio. (Reuters)

LEIA MAIS:

Ação do Alibaba fecha em alta de 38% na estreia em NY

Seis bilionários que ficaram mais ricos após o IPO do Alibaba

Tudo o que sabemos sobre:

Alibaba

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: