As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Justin Timberlake publica vídeo sobre novo Myspace

Nayara Fraga

24 de setembro de 2012 | 19h03

justin_timberlake_video.jpg

O Myspace está quase de volta. O cantor Justin Timberlake publicou no Twitter nesta segunda-feira, 24, um vídeo sobre a nova versão da rede social, comprada pela empresa Specific Media em junho de 2011. O filme não detalha muito os recursos do futuro site, mas mostra que a ideia é manter a música como principal componente. Ao que parece, a rede oferecerá uma maneira mais atraente de navegar por álbuns e de buscar artistas e músicas. Veja:

Timberlake é um dos investidores do site. Quando comprou o Myspace da News Corp, a Specific Media disse ter firmado parceria com o artista para “reconstruir e revigorar” a rede social.

O domínio do novo site é new.myspace.com. “Deixe seu e-mail abaixo e espere um convite muito em breve”, diz a página, após explicar que o Myspace está sendo reconstruído do zero.

O vídeo mostra que será possível entrar na rede social com os logins e senhas do Twitter ou do Facebook. A interface de usuário parece atraente. As imagens em destaque e o modo de exibição delas lembram o Instagram e o Pinterest. (Veja no vídeo acima.)

Para saber quais são as reais funções do novo Myspace, só esperando o lançamento da versão beta. O site de tecnologia Mashable questiona: “O que está menos óbvio é se o Myspace está criando seu próprio serviço de música ou se a rede fez parceria com algum provedor, como Spotify, Rdio ou Rhapsody.

No minuto 1’01”, o vídeo mostra que a plataforma oferecerá serviço de compra e venda de ingressos para shows. Pode estar aí uma maneira de a rede social ganhar dinheiro.

Prejuízo

A empresa publicitária Specific Media comprou o Myspace por US$ 35 milhões em junho de 2011. O valor foi considerado decepcionante, uma vez que a dona da rede social (a News Corp) desejava US$ 100 milhões. “News Corp vende Myspace por uma canção”, disse o Wall Street Journal na época.

A News Corp, também dona do Wall Street Journal, havia comprado o Myspace por US$ 580 milhões em 2005.

Myspace TV

Na Consumer Electronics Show (CES) de Las Vegas, em 2011, o Myspace anunciou parceria com a Panasonic para criar o Myspace TV. Seria um serviço para compartilhar a programação da TV com amigos em tempo real por meio da rede social. Mas as empresas comentaram, naquela época, que a ideia estava em fase bem inicial.

Você já foi usuário do Myspace? O que acha da volta da rede social?


VEJA TAMBÉM

“News Corp vende Myspace por uma canção”, diz WSJ 

Panasonic quer ressuscitar MySpace em TV

Tudo o que sabemos sobre:

Justin TimberlakeMyspace

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.