Com juro em 6%, encontre os títulos de renda fixa mais rentáveis

Regina Pitoscia

02 de agosto de 2019 | 02h59

Com a taxa básica da economia em 6,0% ao ano, o mercado financeiro ganha novos contornos: a renda fixa vai pagar menos, e a renda variável, embora ofereça riscos, tende a proporcionar um retorno diferenciado.

O rendimento da caderneta cai de 0,37% ao mês ou 4,55% ao ano para 0,34% ao mês ou 4,20% ao ano; os papeis de renda fixa ainda podem ser encontrados pagando mais do que isso, mas também tendem a ir cortando a remuneração; os fundos de renda fixa com taxa de administração superior a 1% ao ano devem pagar menos do que a poupança e talvez percam também da inflação.

A diversificação é a palavra-chave para uma administração mais eficiente do patrimônio. Para a parcela de recursos que não pode deixar o reduto seguro da renda fixa, o alongamento de prazo da aplicação é uma das saídas para encontrar uma rentabilidade mais elevada.

A plataforma de investimentos Yubb (www.yubb.com.br) traz a indicação de papeis mais rentáveis tanto pós-fixado, que vão ajustando as taxas durante o prazo da aplicação tendo sempre como referência a taxa do Certificado de Depósito Interbancário (CDI), como prefixados, que determinam qual será o juro até o prazo final no momento da aplicação.

A remuneração dos prefixados supera a dos pós-fixados. E isso porque os prefixados embutem uma margem de risco, o de que durante o prazo da aplicação a inflação e os juros venham a subir e corroer completamente o rendimento que foi estipulado antecipadamente. O que já não ocorre com os pós-fixados que vão calibrando o rendimento em função do CDI. Equivalência que permite elevar a remuneração se os juros ou a inflação também subirem. Com a redução da Selic, o CDI está em 5,90% ao ano.

As opções selecionadas esta semana pelo buscador exigem que o dinheiro fique empregado por períodos bem mais elásticos, mas oferecem como recompensa uma remuneração mais interessante. São indicadas, portanto, para a formação de reserva de longo prazo. Confira os papeis de renda fixa que atualmente estão pagando a mais alta remuneração no mercado, a instituição financeira emissora e a plataforma de investimentos em que estão disponíveis.

Papeis pós-fixados – longo prazo

Emissor/tipo         Plataforma       Rend.líq a.a.     Prazo(anos)   Valor mínimo

Avista F.(RDB)          Avista                          6,47%                   10 anos                   5 mil

Máxima (CDB)          Órama                         6,37%                     7 anos                   1 mil

Máxima (CDB)          Ourinvest                   6,37%                     6 anos                   1 mil

Facta Fin. (LC)          Daycoval                    6,21%                      5 anos                 10 mil

Senff Fin. (LC)          Ativa                            6,09%                     5 anos                 10 mil

Santinvest(LC)         Daycoval                     6,07%                      5 anos                 10 mil

Papeis prefixados – longo prazo

Emissor/tipo         Plataforma       Rend.líq a.a.     Prazo(anos)   Valor mínimo

Dacasa F.(LC)            Dacasa                      7,82%                      3 anos                 20 mil

Avista F.(RDB)          Avista                        7,60%                      6 anos                   5 mil

Máxima(CDB)           Ourinvest                 7,30%                      8 anos                   1 mil

Máxima(CDB)          Nova Futura             7,05%                      8 anos                   5 mil

Fonte: Yubb

Na plataforma será encontrada a rentabilidade bruta e como os títulos têm prazo superior a 720 dias, a alíquota de Imposto de Renda que recai sobre o rendimento é de 15% sobre todos eles.

O serviço prestado pelo Yubb ganha relevância nesse cenário de juros ainda mais baixos. Além de dar transparência sobre os títulos que pagam mais e onde podem ser encontrados, o buscador também fornece base de comparação para que o aplicador saiba se o que está conseguindo de rendimento com o seu banco está dentro ou muito abaixo do que pode ser encontrado no mercado.

Mesmo para aplicações de prazo mais curto, o portal também destacava, neste dia 1º de agosto, papeis com prazo de um ano que podem ser considerados competitivos pelo nível atual de juros. São todos Certificados de Depósito Bancário pagando rendimento superior ao da poupança, que agora é de 4,20% ao ano.

CDB de 1 ano

Emissor/tipo            Plataforma         Rend.líq a.a.       Valor mínimo

NBC Bank (CDB)          Órama                        5,36%                         3 mil (*)

BMG                                BMG Inv.                   5,30%                         1 mil

NBC Bank                       Modalmais                5,27%                         1 mil (*)

Bco Máxima                   Easynvest                  5,12%                          1 mil

Bco Máxima                   Órama                        5,12%                          5 mil

Bco Pan                           Pan Corret.                5,00%                        100 reais (*)

Bco Máxima                   Nova Futura              4,99%                         1 mil

Bco Pan                           Ourinvest                   4,98%                         1 mil

(*) Papeis prefixados

Fonte: Yubb